quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Hoje no Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas




Hoje no hospital discutimos sobre o sistema de saúde no Brasil, em especial em São Paulo, é incrivel o quanto ainda tem por fazer, mas o mais importante é o quanto pode ser feito.
A psicologia não pode ser restrita a uma minoria da população, mas deve chegar também para aqueles que estão nas periferias e carecem muito do nosso trabalho.
Para que possamos construir um lugar seguro para se viver, de nada adianta cercarmos de grades nossas casas, devemos encarar o problema de frente, plantando aonde parece ser impossivel de plantar e transformando o mundo primeiramente dentro do nosso mundo particular, ou seja, dentro da nossa alma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário